AOS ANJOS GUARDIÕES E AOS ESPÍRITOS PROTETORES

Espíritos sábios e benevolentes, mensageiros de Deus, cuja missão é assistir os homens e conduzi-los no bom caminho, sustentai-me nas provas desta vida; dai-me a força de suportá-las sem murmurar; desviai de mim os maus pensamentos, e fazei com que eu não dê acesso a nenhum dos maus Espíritos que tentarem me induzir ao mal. Esclarecei minha consciência sobre meus defeitos, e elevai de sobre meus olhos o véu do orgulho que poderia impedir-me de os perceber e confessá-los a mim mesmo.
Vós, sobretudo........, meu anjo guardião, que velais mais particularmente por mim, e vós todos Espíritos protetores que vos interessais por mim, fazei com que me torne digno da vossa benevolência. Conheceis as minhas necessidades, que elas sejam satisfeitas segundo a vontade de Deus.

(Outra) Meu Deus, permiti aos bons Espíritos que me cercam, virem em minha ajuda quando estiver em dificuldade, e me sustentar se vacilo. Fazei, Senhor, que eles me inspirem a fé, a esperança e a caridade; que sejam para mim um apoio, uma esperança e uma prova da vossa misericórdia; fazei, enfim, que eu encontre junto deles a força que me falta nas provas da vida, e, para resistir às sugestões do mal, a fé que salva e o amor que consola.

(Outra) Espíritos bem-amados, anjos guardiões, vós a quem Deus, em sua infinita misericórdia, permite velar pelos homens, sede meus protetores nas provas da minha vida terrestre. Dai-me a força, a coragem e a resignação; inspira-me tudo o que é bom e detende-me na inclinação do mal; que vossa doce influência penetre minha alma; fazei com que eu sinta que um amigo devotado está perto de mim, que vê meus sofrimentos e partilha minhas alegrias.
E vós, meu bom anjo, não me abandoneis; tenho necessidade de toda a vossa proteção para suportar com fé e amor as provas que aprouver a Deus me enviar.

PARA AFASTAR OS MAUS ESPÍRITOS

Em nome de Deus Todo-Poderoso, que os maus Espíritos se afastem de mim, e que os bons me sirvam de proteção contra eles!
Espíritos malfazejos, que inspirais aos homens maus pensamentos; Espíritos trapaceiros e mentirosos, que os enganais; Espíritos zombadores, que vos divertis com sua credulidade, eu vos repilo com todas as forças de minha alma e fecho o ouvido às vossas sugestões; mas peço para vós a misericórdia de Deus.
Bons Espíritos, que dignai-vos me assistir, dai-me a força de resistir à influência dos maus Espíritos, e as luzes necessárias para não ser vítima de seus embustes. Preservai-me do orgulho e da presunção; afastai do meu coração o ciúme, o ódio, a malevolência e todo sentimento contrário à caridade, que são tantas outras portas abertas ao Espírito do mal.

PARA PEDIR CORRIGENDA DE UM DEFEITO

Vós me haveis dado, ó meu Deus, a inteligência necessária para distinguir o que é bem do que é mal; ora, do momento em que eu reconheço que uma coisa é má, sou culpado por não me esforçar em resistir a ela.
Preservai-me do orgulho que poderia me impedir de aperfeiçoar-me dos meus defeitos, e dos maus Espíritos que poderiam me excitar a neles perseverar.
Entre minhas imperfeições, reconheço que sou particularmente inclinado à ...... e se não resisto a esse arrastamento é pelo hábito que contraí de a ele ceder.
Não me criastes culpado, porque sois justos, mas coma aptidão igual para o bem e para o mal; se sigo o mau caminho, é por efeito do meu livre arbítrio. Mas, pela mesma razão que tenho a liberdade de fazer o mal, tenho a de fazer o bem; por conseguinte, tenho a de mudar de caminho.
Meus defeitos atuais são um resto das imperfeições que conservei das minhas precedentes existências; é meu pecado original, do qual posso me desembaraçar com minha vontade e com a assistência dos bons Espíritos.
Bons Espíritos que me protegeis, e sobretudo vós, meu anjo guardião, dai-me a força de resistir às más sugestões, e de sair vitorioso da luta.
Os defeitos são as barreiras que nos separam de Deus, e cada defeito superado será um passo dado na senda do progresso que dele me há de aproximar.
O Senhor, em sua infinita misericórdia, houve por bem conceder-me a existência atual, para que sirva ao meu adiantamento; bons Espíritos, ajudai-me a aproveitá-la, a fim de que não se torne perdida para mim, e que, quando a Deus aprouver ma retirar, eu dela saia melhor do que entrei (Cap. V, nº 5; Cap. XVII, nº 3).

PARA PEDIR A FORÇA DE RESISTIR A UMA TENTAÇÃO

Deus Todo-Poderoso, não me deixes sucumbir à tentação em que deva falir. Espíritos benevolentes que me protegeis, desviai de mim esse mau pensamento, e dai-me a força de resistir à sugestão do mal. Se eu sucumbir, terei merecido a expiação de minha falta nesta vida e em outra, porque sou livre para escolher.

AÇÃO DE GRAÇAS PELA VITÓRIA OBTIDA SOBRE UMA TENTAÇÃO

Meu Deus, eu vos agradeço por me terdes permitido sair vitorioso da luta que venho de sustentar contra o mal; fazei com que essa vitória me dê a força de resistir a novas tentações.
E vós, meu anjo guardião, eu vos agradeço pela assistência que me destes. Possa minha submissão aos vossos conselhos merecer de novo a vossa proteção.

PARA PEDIR UM CONSELHO

Em nome de Deus Todo-Poderoso, bons Espíritos que me protegeis, inspirai-me a melhor resolução a tomar na incerteza em que estou. Dirigi meu pensamento para o bem, e desviai a influência daqueles que tentarem me desencaminhar.

NAS AFLIÇÕES DA VIDA

Deus Todo-Poderoso, que vedes nossas misérias, dignai-vos escutar favoravelmente os votos que vos dirijo neste momento. Se o meu pedido for inconveniente, perdoai-me; se for justo e útil aos vossos olhos, que os bons Espíritos, que executam vossas vontades, venham em minha ajuda para seu cumprimento.
O que quer que me advenha, meu Deus, que a vossa vontade seja feita. Se meus desejos não são atendidos, é porque entra nos vossos desígnios experimentar-me, e eu me submeto sem murmurar. Fazei com que eu não conceba nisso nenhum desencorajamento, e que nem minha fé, nem minha resignação, sejam abaladas.
(Formular o pedido)

AÇÃO DE GRAÇAS POR UM FAVOR OBTIDO

Deus infinitamente bom, que vosso nome seja bendito pelo benefícios que me concedestes, deles seria indigno se os atribuísse ao acaso dos acontecimentos ou ao meu próprio mérito.
Bons Espíritos que fostes os executores das vontades de Deus, e vós sobretudo, meu anjo guardião, eu vos agradeço. Desviai de mim o pensamento de neles conceber orgulho, e deles fazer um uso que não fosse para o bem. Eu vos agradeço, notadamente por........

ATO DE SUBMISSÃO E RESIGNAÇÃO

Meu Deus, sois soberanamente justo; todo sofrimento neste mundo deve ter, pois, sua causa e sua utilidade. Aceito o motivo de aflição, que venho de experimentar, como uma expiação das minhas faltas passadas e uma prova para o futuro.
Bons Espíritos que me protegeis, dai-me a força de suportá-lo sem lamentação; fazei com que seja para mim uma advertência salutar; que aumente minha experiência; que combata em mim o orgulho, a ambição, a tola vaidade e o egoísmo, e que ele contribua, assim, para o meu adiantamento.

(Outra) Eu sinto, meu Deus, a necessidade de vos rogar, dar-me a força para suportar as provas que vos aprouve me enviar. permiti que a luz se faça bastante viva em meu espírito, para que eu aprecie toda a extensão de um amor que me aflige por querer me salvar. Eu me submeto com resignação, ó meu Deus; mas, ai de mim! a criatura é tão fraca que, se vós não me sustentais, temo sucumbir. Não me abandoneis, Senhor, porque sem vós não sou nada.

(Outra) Elevei meu olhar para ti, ó Eterno, e me senti fortalecido. Tu és a minha força, não me abandones; óh Deus! Estou esmagado sob o peso das minhas iniqüidades! Ajuda-me; tu conheces a fraqueza de minha carne, e não desvias teu olhar de sobre mim!
Estou devorado por uma sede ardente; faze jorrar a fonte de água viva, e me dessedentarei. Que minha boca não se abra senão para cantar teus louvores e não para murmurar nas aflições da minha vida. Sou fraco, Senhor, mas teu amor me sustentará.
Ó Eterno, só tu és grande, só tu és o fim e o objetivo da minha vida! Teu nome seja bendito, se me feres, porque és o Senhor e eu o servidor infiel; curvarei minha fronte sem me lamentar, porque tu és grande, só tu és a meta.

NUM PERIGO EMINENTE

Deus Todo-Poderoso, e vós meu anjo guardião, socorrei-me! Se devo sucumbir, que a vontade de Deus seja feita. Se eu for salvo, que o resto da minha vida repare o mal que pude fazer e do qual me arrependo.

AÇÃO DE GRAÇAS DEPOIS DE TER ESCAPADO DE UM PERIGO

Meu Deus, e vós meu anjo guardião, eu vos agradeço pelo socorro que haveis me enviado no perigo que me ameaçou. Que esse perigo seja para mim uma advertência, e que ele me esclareça sobre as faltas que puderam mo atrair. Compreendo, Senhor, que a minha vida está em vossas mãos, e que podeis ma retirar quando vos aprouver. Inspirai-me, pelos bons Espíritos que me assistem, o pensamento de empregar ultimamente o tempo que me concedeis ainda neste mundo.
Meu anjo guardião, sustentai-me na resolução que tomo de reparar meus erros e de fazer todo o bem que estiver em meu poder, a fim de chegar menos carregado de imperfeições no mundo dos Espíritos, quando aprouver a Deus me chamar.

NO MOMENTO DE DORMIR

Minha alma vai se encontrar por um instante com os outros Espíritos. Que aqueles que são bons venham me ajudar com seus conselhos. meu anjo guardião, fazei com que, ao despertar, conserve deles uma impressão durável e salutar.

NA PREVISÃO DA MORTE PRÓXIMA

Meu Deus, eu creio em vós e na vossa bondade infinita; por isso, não posso crer que haveis dado ao homem a inteligência para vos conhecer e a aspiração do futuro a fim de mergulhá-lo no nada.
Creio que meu corpo não é senão o envoltório perecível da minha alma, e que, quando tiver cessado de viver, despertarei no mundo dos Espíritos.
Deus Todo-Poderoso, sinto se partirem os laços que unem minha alma ao meu corpo, e logo vou ter de prestar contas do emprego da vida que deixo.
Vou suportar as conseqüências do bem e do mal que fiz; lá não há mais ilusão, nem maus subterfúgio possível; todo o meu passado vai se desenrolar diante de mim, e serei julgado segundo as minhas obras.
Não levarei nada dos bens da Terra; honrarias, riquezas, satisfação da vaidade e do orgulho, tudo o que se prende ao corpo, enfim, vai ficar neste mundo; a menor parcela não me seguirá, e nada de tudo isso me será o menor socorro no mundo dos Espíritos. Não levarei comigo senão o que se prende à minha alma, quer dizer, as boas e as mas qualidades, que serão pesadas na balança de uma rigorosa justiça, e serei julgado com tanto mais severidade quanto minha posição na Terra me tenha dado mais ocasião de fazer o bem que não fiz. (Cap. XVI, nº 9)
Deus de misericórdia, que meu arrependimento chegue até vós. Dignai-vos estender sobre mim a vossa indulgência.
Se vos apraz prolongar a minha existência, que o resto seja empregado em reparar, tanto quanto estiver em mim, o mal que pude fazer. Se minha hora soou para sempre, carrego o pensamento consolador de que me será permitido remir-me por novas provas, a fim de merecer, um dia, a felicidade dos eleitos.
Se não me é dado gozar imediatamente dessa felicidade sem mácula, que não cabe senão ao justo por excelência, sei que a esperança não me está interditada para sempre, e que, com o trabalho, atingirei o objetivo, mais cedo ou mais tarde, segundo os meus esforços.
Sei que os bons Espíritos, e meu anjo guardião, estão perto de mim, para me receberem; dentro em pouco, os verei como eles me vêem. Sei que encontrarei aqueles que amei sobre a Terra, se o tiver merecido, e que aqueles que aqui deixo virão me reencontrar para estarmos, um dia, reunidos para sempre, e que, até lá, poderei vir visitá-los.
Sei também que vou reencontrar aqueles a quem ofendi; possam eles me perdoar pelo que tem a me censurar: meu orgulho, minha dureza, minhas injustiças, e não me cobrir de vergonha pela sua presença!
Perdôo aos que me fizeram ou quiseram mal na Terra; não carrego nenhum ódio contra eles, e peço a Deus que os perdoe.
Senhor, dai-me a força de deixar sem pesar as alegrias grosseiras deste mundo, que não são nada perto das alegrias puras do mundo em que vou entrar. Nele, para o justo, não há mais tormentos, sofrimentos, misérias; só o culpado sofre, mas lhe resta a esperança.
Bons Espíritos, e vós meu anjo guardião, não me deixeis falhar nesse momento supremo: fazei luzir aos meus olhos a luz divina, a fim de reanimar a minha fé, se ela vier a se abalar.

 

 

INDIQUE ESTE SITE !

 

 

Voltar

 

mensageirosdoceu.net - 2004 - 2016 - Todos os Direitos Reservados.