Consta que em 1931 uma garota fora assassinada após uma festa, enquanto era levada para casa.

O baile se deu na Avenida Chicago's Archer, no salão O'Henry. Usando o mesmo vestido e os mesmos sapatos de dança, foi enterrada no cemitério Ressurrection, localizado nessa mesma rua.


Durante muitos anos depois de sua morte, motoristas observaram uma jovem estranhamente bela pedindo-lhes carona naquela mesma avenida.

Usava um vestido branco e já há muito fora de moda.

Homens que estavam a sós em seus carros a deram carona -- algumas vezes mesmo sem ser convidada, a moça entrava no carro por conta própria implorando-lhes que a levassem para casa.

O ponto de destino lhes parecia incomum, o cemitério Ressurrection, onde aquela garota havia sido enterrada.

Algumas vezes ela surpreendentemente saia do carro, sem que nenhuma porta fosse aberta.

Os motoristas disseram que ela simplesmente sumiu, enquanto passavam em frente ao cemitério.

Numa noite fria de dezembro, no ano de 1977, um motorista passou em frente aquele cemitério e notou que uma garota em pé com um vestido de baile dentro do cemitério agarrada às grades como se tentasse pedir ajuda para sair dali.

O homem pensou que acidentalmente ela fora trancada no cemitério e rapidamente foi procurar por ajuda.

Quando o homem voltou, acompanhado de policiais, não mais a encontrou.

Encontrou as barras do portão do cemitério curvadas para fora e nelas cravadas as impressões de duas mãos.



Os Nomes acima são fictícios qualquer semelhança com os fatos é mera coincidência

 

 

INDIQUE ESTE SITE !

 

 

 

Voltar

 

mensageirosdoceu.net - 2004 - 2016 - Todos os Direitos Reservados.